Sem categoria

Thomson Reuters vai demitir 12% dos funcionários até 2020

Um dos principais players de comunicação global, a canadense Thomson Reuters vai demitir 12% de seus funcionários até 2020. O anúncio foi feito em um comunicado da empresa à rede de TV americana CNN Business.

A empresa reduzirá seu cargo de 27 mil para cerca de 23,8 mil funcionários. Serão fechados 55 escritórios ao redor do mundo até 2020. Não foi informado quais áreas serão afetadas.

No comunicado à CNN, a Thomson Reuters explicou que “rotineiramente procura formas de executar suas operações de negócios com eficiência e eficácia”. Não foram dadas, no entanto, explicações mais detalhadas sobre os reais motivos dos cortes.

O fato é que a decisão da Thomson Reuters não é isolada no mercado. Em 2018, outras grandes empresas internacionais de mídia também anunciaram cortes, com New York Daily News, Mic, Meredith e Hearst.

Mais posts