Marketing

Press releases e link building

Por mais que muito tenha sido dito e escrito nos últimos anos, a realidade é que, em 2016, links continuam a ser o principal fator de sucesso nos mecanismos de busca. Vários estudos sérios comprovam este fato. Dentre eles, Moz e Backlinko.

Ou seja. SEO não está morto. Nem link building. O que muda é a qualidade do conteúdo que é produzido em seu site e a qualidade dos links externos que o mesmo recebe. Respectivamente, o Google lançou, há alguns anos, dois algoritmos específicos para lidar com esses aspectos: Panda (qualidade do conteúdo no site) e Penguin (qualidade fora do site).

Na esteira, vieram outros algoritmos também dignos de nota:

  • Hummingbird, um algoritmo que entende, semanticamente, as páginas e as buscas, para prover respostas mais exatas. Por exemplo, retornando resultados de sites jurídicos nos primeiros lugares para termos relacionados a direitos; ou o nome e biografia de “Alejandro González Iñarritu” quando se busca por “o regresso diretor”.
  • Rankbrain, um algoritmo capaz de “aprender” determinados padrões para entender melhor as buscas complexas dos usuários (aquelas de long tail), correlacionando termos e voltando resultados mais precisos, baseado em análise de comportamento passado e conteúdo em páginas presentes nos sites. Com ele, o Google consegue entregar melhores resultados de páginas cuja busca não contém os termos exatos que se buscou, além de aprender mais rapidamente sobre novos termos (como marcas, por exemplo) e conceitos aos quais estes se relacionam.

Em resumo, nos dias de hoje é necessário, antes de tudo, produzir conteúdo de qualidade, especializado, dentro do contexto de seu site (evitando-se assuntos não relacionados), e ganhar links que sejam relevantes, também de fontes de qualidade. O conteúdo precisa ser original e único, abordando informações de um ponto de vista original, com uma construção não similar a outros textos na web. Similarmente, seus links precisam vir de fontes confiáveis, com boa reputação, de preferência a partir de conteúdo de qualidade.

Construindo links com press releases

Link building parece difícil. Mas é aí que entram os press releases. Se você precisa de bons links, naturais, de editores que genuinamente acessaram seu conteúdo e gostaram do que viram, a melhor ferramenta para contatar os influenciadores é o press release.

Quando publicar seu press release, apenas inclua a URL do seu site, sem âncoras, e faça-o de uma maneira que chame a atenção do jornalista para o mesmo, provocando o clique. Âncoras exatas em textos reproduzidos várias vezes e por muitos sites tendem a atrair pênaltis de buscadores.

Os melhores links são provenientes de conteúdo produzido originalmente. Portanto, não pense em seu press release como uma ferramenta para criar links diretamente, mas sim como um algo para chamar a atenção e fazer com que escrevam sobre seu site. Uma dica é criar um post longo em seu site e usar o press release como um “teaser”, fazendo com que visitem seu site para obter os dados completos.

As melhores empresas de press release, como o Dino, fazem não só mailing para jornalistas, mas também garantem a publicação do release em grandes portais e agências de notícias. Ou seja, lugares de boa reputação, em que o conteúdo será lido e notado. Use-os.

Por fim, lembre-se de que jornalistas costumam receber centenas de releases por dia. Por isso, capriche no título de seu release, faça-o bem descritivo e construa um conteúdo de qualidade, recheado de dados.

Quer descobrir uma ferramenta para potencializar sua estratégia de SEO e link building? Veja neste ebook grátis: “DINO & SEO” e veja uma alternativa para alcançar o topo dos resultados de busca do Google!

Recomendadas


Top