Assessoria de Imprensa

4 Dicas para emplacar seu release!

O release é a ferramenta mais básica, mais simples e mais usada pelo assessor de imprensa. Mas assim como ocorre com a fotografia, as redes sociais e o macarrão instantâneo, o que é fácil de fazer pode terminar em desastre. Ponha em prática estas 4 dicas para garantir que seu release tenha a maior chance possível de virar notícia.

1. Comece do final

Apesar do dito popular, nem o melhor assessor de imprensa consegue vender gelo para esquimó. Metralhar milhares de cópias do seu release para todos os jornalistas do Brasil pode até ser barato e render uma ou outra publicação, mas essa é a estratégia mais preguiçosa, não necessariamente a melhor. Para obter um bom resultado com seu trabalho – seja uma coletiva, um vídeo institucional ou um release – convém pensar antes no resultado final. Por exemplo: seu release é sobre a mudança de cardápio de um restaurante local. Só existe uma unidade deste restaurante e não há franquias. Qual seria o sucesso para você e seu cliente? A divulgação desse fato por bons veículos locais que cobrem gastronomia, do tipo onde seu cliente e os concorrentes estão. Sabendo disto, você adquire o foco que precisa para trabalhar e não desperdiça seu tempo e o de milhares de jornalistas. O âncora do telejornal mais importante do país não precisa receber seu release. Quanto mais direcionado seu trabalho for, melhores são as chances de conseguir emplacá-lo. Pensa no tanto que é inconveniente para um jornalista da editoria de esportes, receber um release sobre gastronomia!

2. Faça contatos

Bons jornalistas têm boas agendas de fontes. Bons assessores de imprensa têm boas agendas de jornalistas. Seu próximo release têm mais chances de emplacar se você regularmente telefona para repórteres, elogia as matérias deles, oferece fontes e entrevistas exclusivas, conhece seus horários e prazos de fechamento e sabe o que cada um gosta ou costuma cobrir. O melhor atleta é aquele que parece fazer o que faz sem esforço, após anos de treino rigoroso. O melhor release é também assim: enviado para o repórter ou editor certo após um breve e amigável telefonema, se torna notícia quase que imediatamente, pois foram meses ou anos de um relacionamento cuidadosamente cultivado.

3. Faça no capricho

Releases são públicos, carregam o nome da sua marca e podem ser usados a qualquer momento para produzir notícias – não apenas por jornalistas profissionais, mas também por blogueiros de plantão e por qualquer um com centenas de amigos no Facebook. Portanto, cheque várias vezes horários, títulos de livros, nomes científicos, medidas, datas, e claro, preços! Releases emplacam mais quando passam credibilidade, e são mais críveis quando estão corretos.

4. Utilize a tecnologia a seu favor

Fazer o release chegar aos profissionais certos pode ser uma tarefa difícil. Felizmente, existem muitas ferramentas que podem te ajudar. A plataforma de distribuição de releases da Dino, por exemplo, não apenas ajuda você a divulgá-lo, como lhe permite acompanhar o desempenho de suas distribuições por meio de gráficos, números e relatórios. Assim você pode medir os resultados de suas ações e fazer mudanças graduais para conseguir atingir melhor seus objetivos.

E então, pronto para usar estas dicas para que seus releases virem notícia? Clique aqui e baixe gratuitamente nosso ebook “Entenda como o Power Release revolucionou a comunicação das assessorias”.

Recomendadas


Top